“Fulaninha e Dona Coisa” apresenta segunda temporada pelo país

0
750

Sucesso pelo Brasil, “Fulaninha e Dona Coisa” apresenta segunda temporada pelo país 



Com Nathalia Dill e Vila Mello, espetáculo irá passar por sete teatros administrados pela Opus 

Crédito: Nana Moraes

         “Todos temos na vida um lado Fulaninha e um lado Dona Coisa. Brincamos com isso quando as atrizes invertem de papel no palco”, detalha Daniel Herz, diretor da comédia “Fulaninha e Dona Coisa”, de Noemi Marinho, que faz turnê pelo Brasil a partir do dia 2 de novembro. O espetáculo, idealizado por Eduardo Barata, retrata através do humor as dificuldades da convivência diária entre patroa e empregada. De um lado está Dona Coisa (Vilma Melo), uma mulher moderna, independente, que prefere manter certa distância em suas relações. Do outro está Fulaninha (Nathalia Dill), uma jovem com a cabeça cheia de sonhos que chega do interior para trabalhar como empregada doméstica e se envolve em inúmeras trapalhadas. “Fulaninha e Dona Coisa” fala das diferenças de origem e da relação entre duas pessoas, ao mesmo tempo, tão ricas e distintas. *Haverá substituição no elenco em algumas cidades. 

         “A possibilidade de emocionar o público dentro de uma comédia é algo quem me instiga e me interessa”, comenta Daniel Herz, que além de assinar a direção, também interpreta, nas 5 primeiras cidades, o papel de um técnico de telefone que se envolve com Fulaninha. “Em um momento em que o país passou por transformações nos direitos trabalhistas dos empregados domésticos, a peça aparece como uma oportunidade de falar das recentes modificações, de maneira bem-humorada, sem deixar de ser informativa. Um espetáculo que fala das muitas possibilidades e ambiguidades que existem numa relação entre o personagem que oprime e o que é oprimido”, afirma o produtor Eduardo Barata.

          “Como as mudanças de cena são muito rápidas resolvemos fazer uma brincadeira a partir do conceito de transformação”, conta Clívia Cohen, responsável pelos figurinos, que se transformam em múltiplos elementos e adereços, assim como a relação entre as duas personagens também vai se transformando. Leandro Castilho compôs vinhetas e trilhas que auxiliam nas transições de cenas. “A música contribui bastante com o humor. Aproveitei ritmos bem brasileiros, como batucada de tamborim, cuíca e samba”, comenta Castilho. A cenografia de Fernando Melo da Costa, com algumas sugestões de elementos que compõe a casa de Dona Coisa, propõe um espaço de jogo cênico e com que cada espectador idealize uma casa diferente para Dona Coisa, através da imaginação. A iluminação é de Renato Machado.

         “Fulaninha e Dona Coisa” irá passar por Fortaleza (Teatro RioMar Fortaleza), Recife (Teatrio RioMar Recife), Porto Alegre (Teatro do Bourbon Country), Novo Hamburgo (Teatro Feevale), Rio de Janeiro (Teatro Bradesco Rio), São Paulo (Teatro Bradesco) e Natal (Teatro Riachuelo). Os ingressos já estão à venda e podem ser adquiridos nos pontos credenciados e pela internet.

            A Vivo acredita que o teatro vai além do espetáculo e investe na cultura como elemento de transformação. Há 14 anos, por meio do Teatro Vivo, em São Paulo e de espetáculos com circulação nacional, buscamos proporcionar novas experiências culturais e ampliar nossa conexão com o público. Esse compromisso com as artes cênicas valoriza tanto atores consagrados como novos artistas em espetáculos por todo país.

Ficha Técnica:

Texto: Noemi Marinho
Direção: Daniel Herz
Idealização: Eduardo Barata
Cenário: Fernando Mello da Costa
Figurinos: Clívia Cohen
Iluminação: Renato Machado
Trilha sonora original: Leandro Castilho
Direção de produção: Elaine Moreira
Produção executiva e diretor de palco: Tom Pires

Elenco:

Fortaleza – Nathalia Dill, Claudia Ventura e Daniel Herz
Recife – Nathalia Dill, Vilma Melo e Daniel Herz
Porto Alegre – Nathalia Dill, Vilma Melo e Daniel Herz
Novo Hamburgo – Nathalia Dill, Vilma Melo e Daniel Herz
Rio de Janeiro – Nathalia Dill, Vilma Melo e Daniel Herz
São Paulo – Nathalia Dill, Vilma Melo e Leandro Castilho
Natal – Nathalia Dill, Vilma Melo e Leandro Castilho

RIO DE JANEIRO (RJ)

Dia 21 de novembro

Quarta-feira, às 21h

Teatro Bradesco Rio (Avenida das Américas, 3900 – loja 160 do Shopping VillageMall – Barra da Tijuca)

www.teatrobradescorio.com.br

  

INGRESSOS:

Setor Inteira Meia-Entrada
Plateia Baixa R$ 120,00 R$ 60,00
1ª Plateia Alta (La R) R$ 100,00 R$ 50,00
Camarotes R$ 60,00 R$ 30,00
2ª Plateia Alta (S a U) R$ 50,00 R$ 25,00
Frisas R$ 50,00 R$ 25,00
Balcão Nobre R$ 50,00 R$ 25,00

 

– 50% de desconto para Clientes Bradesco e guichê exclusivo na bilheteria do Teatro. Desconto limitado a quatro ingressos por sessão para titulares dos cartões de crédito, débito e múltiplo (exceto cartão pessoa jurídica Bradescard). Limitado a quatro ingressos por sessão para o titular e cota de 240 ingressos por sessão;

– 40% de desconto para assinante O Globo. Desconto limitado a dois ingressos por sessão para o titular do cartão. Venda limitada de 200 ingressos por sessão e disponível apenas para compras efetuadas na bilheteria do Teatro Bradesco Rio;

– 20% de desconto Passaporte de Benefícios VillageMall em até dois ingressos. Limitado a 100 ingressos por sessão. Vendas apenas na Bilheteria do teatro.

 

*Crianças até 24 meses que fiquem sentadas no colo não pagam

** Política de venda de ingressos com desconto: as compras poderão ser realizadas nos canais de vendas oficiais físicos, mediante apresentação de documentos que comprovem a condição de beneficiário. Nas compras realizadas pelo site e/ou call center, a comprovação deverá ser feita no ato da retirada do ingresso na bilheteria e no acesso à casa de espetáculo;

******A lei da meia-entrada mudou: agora o benefício é destinado a 40% dos ingressos disponíveis para venda por apresentação. Veja abaixo quem têm direito a meia-entrada e os tipos de comprovações oficiais no Rio de Janeiro:

– IDOSOS (com idade igual ou superior a 60 anos) mediante apresentação de documento de identidade oficial com foto.

– ESTUDANTES mediante apresentação da Carteira de Identificação Estudantil (CIE) nacionalmente padronizada, em modelo único, emitida pela ANPG, UNE, UBES, FNEL, entidades estaduais e municipais, Diretórios Centrais dos Estudantes, Centros e Diretórios Acadêmicos. Mais informações: www.documentodoestudante.com.br

– PESSOAS COM DEFICIÊNCIA E ACOMPANHANTES mediante apresentação do cartão de Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social da Pessoa com Deficiência ou de documento emitido pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), que ateste a aposentadoria de acordo com os critérios estabelecidos na Lei Complementar nº 142, de 8 de maio de 2013. No momento de apresentação, esses documentos deverão estar acompanhados de documento de identidade oficial com foto.

– JOVENS PERTENCENTES A FAMÍLIAS DE BAIXA RENDA (com idades entre 15 e 29 anos) mediante apresentação da Carteira de Identidade Jovem que será emitida pela Secretaria Nacional de Juventude a partir de 31 de março de 2016, acompanhada de documento de identidade oficial com foto.

– MENORES DE 21 ANOS mediante apresentação de carteira de identidade ou documento com foto válido.

– PROFESSORES E PROFISSIONAIS DA REDE PÚBLICA MUNICIPAL DE ENSINO (apenas aqueles que atuam no município do Rio de Janeiro) mediante de carteira funcional emitida pela Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro

**** Caso os documentos necessários não sejam apresentados ou não comprovem a condição do beneficiário no momento da compra e retirada dos ingressos ou acesso ao teatro, será exigido o pagamento do complemento do valor do ingresso.

*****Descontos não cumulativos.

 

CANAIS DE VENDAS OFICIAIS:

Bilheteria Teatro Bradesco Rio: Av. das Américas, 3.900/Lj 160- Tel: 3431-0100 (diariamente, das 13h às 21h.)

Sujeito à taxa de serviço:

Site: www.uhuu.com

Atendimento: [email protected]

 

Assessoria de Imprensa Teatro Bradesco Rio:

Ana Paula Romeiro – (21) 99601.3908 / 3283.8258 – [email protected]

Luiz Claudio de Almeida – (21) 97281-6108 [email protected]

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here