20.3 C
Nova Iorque
sábado, outubro 16, 2021

Buy now

Plataformas de tecnologia ampliam negócios das empresas

Plataformas de tecnologia ampliam negócios das empresas

Plataformas de tecnologia ampliam negócios das empresas

Com softwares inteligentes, startups direcionam investimentos para agilizar processos em áreas estratégicas como gestão de equipes externas, serviços jurídicos, finanças pessoais e melhora na qualidade de vida

Não é novidade que as startups estão revolucionando o cenário econômico do Brasil. Diversos setores já contam com empresas especializadas, com destaque para tecnologia (Techs), investimentos e finanças (FinTechs), bem como a área jurídica (LegalTechs) e saúde (HealthTechs). Dados da Associação Brasileira de Startups (ABStartups) estimam que existam em torno de 62 mil empreendedores e 6 mil startups no mercado nacional. O número é mais do que o dobro registrado há seis anos, quando o país começava a discutir o modelo. Em 2012 eram 2.519 startups. Em 2017, o número saltou para 5.147.

Techs

Criada em 2015, a Auvo é uma das startups que se destacam no setor de tecnologia. A empresa desenvolveu um software específico e inédito para gerenciamento de equipes de campo e conta em seu portfólio com clientes como Danone, Kibon, Estácio, Unimed, Beach Park, entre outros.

Conforme explica o CEO da Auvo, Gabriel Rodrigues, o software oferece maior agilidade às operações, incluindo o fornecimento rápido de informações como localização em tempo real e check in/check out de tarefas. A plataforma detalha a produtividade, custo e tempo das atividades, onde o gestor consegue abrir as tarefas digitais e enviá-las automaticamente aos colaboradores, com a inclusão de fotos e assinatura do cliente, o que interfere diretamente na agilidade da operação e no aumento do desempenho das equipes, que pode ter uma melhora na produtividade em torno de 50%.

“O ganho é creditado a dois fatores principais: otimização e elaboração de relatórios. No primeiro caso, a melhoria permite que um colaborador realize mais tarefas por dia ao evitar o desvio de trajeto, congestionamento e voltas desnecessárias na cidade. No segundo item, o sistema garante mais rapidez no preenchimento da documentação, uma vez que tudo pode ser feito no próprio dispositivo móvel, onde o software é instalado e exportado posteriormente em arquivos Excel ou PDF. O serviço é armazenado na nuvem, com dados criptografados para garantir segurança das informações”, explica o executivo. O Auvotambém fornece uma interface (API) de integração com vários ERP´s e CRM´s do mercado. Informações adicionais podem ser obtidas em www.auvo.com.br.

Atualmente, a Auvo conta com centenas de clientes ativos em sua base e milhares de usuários, com mais de 5 milhões de tarefas executadas e 100 mil horas economizadas em processos de produtividade.

FinTechs

Quando o assunto é dinheiro, mais especificamente investimentos e finanças pessoais, as plataformas de tecnologia ganham destaque. As fintechs simplificam o mercado e reduzem custos e burocracia. Hoje é possível não só fazer a maioria das transações bancárias por aplicativos mobile como, também, utilizar sistemas automatizados para investir da melhor maneira.

Magnetis, plataforma de investimentos online pioneira no Brasil, sintetiza todo o poder de impacto das fintechs. A ferramenta permite que qualquer pessoa, independentemente do nível de conhecimento sobre finanças, identifique o seu próprio perfil e faça um planejamento em poucos cliques, gratuitamente. Numa questão de segundos a consultoria entrega as chances de conquista dos valores definidos como objetivos pelo usuário, que ainda pode fazer ajustes com base nas informações e gráficos gerados pelo sistema.

“É uma quebra de barreira. Pensar no futuro com aumento de patrimônio deixa de ser um assunto para os ricos. Está, literalmente, ao alcance das mãos, com a tecnologia como suporte para decisões inteligentes. Um dos maiores atributos da Magnetis é a imparcialidade. Não recebemos comissão sobre as vendas, ou seja, não há conflito de interesses. Assim, o cliente tem sempre a certeza de que os investimentos recomendados pelo algoritmo são os melhores para o seu perfil e objetivos”, afirma Luciano Tavares, CEO da Magnetis.

LegalTechs

Desenvolver soluções para o mercado jurídico. Essa é o principal objetivo da Tikal Tech. A startup oferece desde ferramentas que otimizam o trabalho de advogados e escritórios a uma plataforma que ajuda a população a acompanhar e entender processos. Fundada em 2015, faz parte de um movimento disruptivo, que usa a tecnologia como base para maior escala e, principalmente, maiores impactos sociais e de negócios.

A empresa conta com três sistemas em operação, que já somam mais de 170 mil usuários. Com o Seu Processo, os cidadãos e pequenas empresas podem identificar, acompanhar e esclarecer dúvidas sobre processos, mesmo sem o número da ação. O LegalNote é um assistente pessoal digital que permite que o advogado leve o escritório no bolso. Já o Diligeiro é uma plataforma que usa a tecnologia para simplificar a contratação de correspondentes jurídicos, conectando advogados de todo o Brasil.

“Nossa intenção é desenvolver ações que contribuam com a otimização da área jurídica, apostando em níveis de inteligência artificial e atendendo, também, sob demanda”, ressalta Derek Oedenkoven, CEO da Tikal Tech.

HealthTechs

Melhorar a qualidade de vida dos funcionários. Esse é o foco central da startup N2B, que inova ao oferecer acompanhamento nutricional por aplicativo como benefício corporativo, impactando em bem-estar e, consequentemente, melhores índices de produtividade.

Com orientação profissional por chat, compartilhamento de refeições diário e painel de evolução e resultados, a ideia é tão relevante que ganhou a chancela da Eretz.bio, a incubadora de healthtechs do hospital Albert Einstein.

“O que a N2B faz é usar a tecnologia para facilitar e democratizar este acesso a um serviço profissional que é de alto valor agregado, mas de baixíssimo custo. É atuar com prevenção de maneira inteligente e envolvente para resultados reais. Temos o plano ambicioso de impactar a cultura das empresas e mudar hábitos e a vida das pessoas”, comenta Cesar Terrin, CEO da N2B.

 

 

Plataformas de tecnologia ampliam negócios das empresas

Related Articles

1 COMMENT

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisement -

Latest Articles