SENAI e institutos da Suécia avançam em projetos de pesquisa conjunta

SENAI e institutos da Suécia avançam em projetos de pesquisa conjunta

Encontro entre institutos de inovação promoveu a cooperação dos dois países em diversos setores da indústria, como parte da programação da 7ª Semanas da Inovação Suécia-Brasil

SENAI e institutos da Suécia avançam em projetos de pesquisa conjuntaSão Paulo, 29 de novembro de 2018 – O avanço nos projetos de pesquisa e inovação desenvolvidos de forma conjunta entre o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) e a Research Institutes of Sweden (RISE), rede de organizações de pesquisa e tecnologia da Suécia, devem ajudar a indústria nacional nos setores de mineração, bioeconomia e aeronáutica, entre outros, a se reinventar.

 

Foi para esse caminho que apontaram os trabalhos apresentados nesta terça-feira (27), no evento “Workshop de Cooperação Industrial Brasil-Suécia”, realizado na sede da Confederação Nacional da Indústria (CNI), em São Paulo. A iniciativa contou também com a participação da agência de promoção comercial Business Sweden, como parte da 7ª Semana de Inovação Suécia-Brasil, que acontece até 30 de novembro em diversas capitais nacionais.

“O próximo passo é desenvolver uma plataforma de negócios para reforçar as parcerias internacionais e seus mecanismos de financiamento”, comentou Marcelo Prim, gerente executivo de Tecnologia e Inovação do SENAI. “No início já do próximo ano, esse plano deverá entrar em execução”.

A partir desse ponto, os projetos de inovação voltados para a indústria poderão ser desenvolvidos mais rapidamente, atendendo a demanda das empresas suecas no Brasil e da indústria nacional.

Ciro Vasquez, representante da Vinnova, agência governamental sueca que administra o financiamento estatal para pesquisa e desenvolvimento, destacou o longo caminho percorrido entre os agentes envolvidos na parceria. “Foram quase dez anos cultivando a relação para chegarmos nesse ponto. Houve muita confiança mútua”.

Já o representante da RISE, Michael Salter, comentou a sinergia dos pesquisadores brasileiros e suecos no desenvolvimento dos projetos. “Há competências e necessidades conjuntas que complementam os projetos em execução. Temos um caminho fértil pela frente”.

Para mais informações sobre as Semanas de Inovação: http://inovacaosueciabrasil.com.br

ASSESSORIA DE IMPRENSA
S/A Llorente & Cuenca

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Discover

Sponsor

spot_imgspot_img

Latest

“A máquina do tempo” faz curta temporada em julho, no Teatro Municipal Domingos Oliveira

Peça infantil “A máquina do tempo” faz curta temporada em julho, no Teatro Municipal Domingos Oliveira Com direção de Denise Stutz, solo com texto e interpretação de Gui...

Cultura do Estado lança edital exclusivo para bandas de rock

Cultura do Estado lança edital exclusivo para bandas de rock Investimento de R$ 1,5 milhão vai contemplar bandas que apresentem composições originais   Rockeiros e rockeiras do...

Manu Bahtidão se consagra como uma das artistas mais ouvidas do Brasil ao atingir top 5 do Spotify com ‘Torre Eiffel’

Manu Bahtidão se consagra como uma das artistas mais ouvidas do Brasil ao atingir top 5 do Spotify com ‘Torre Eiffel’   A faixa está muito...

13ª Mostra Ecofalante de Cinema anuncia os filmes selecionados para seus programas competitivos

13ª Mostra Ecofalante de Cinema anuncia os filmes selecionados para seus programas competitivos Festival é gratuito e acontece em São Paulo entre 1 e 14...

Natascha Falcão faz show de lançamento do EP “Universo de Paixão”

Natascha Falcão faz show de lançamento do EP “Universo de Paixão” Cantora pernambucana indicada ao Grammy Latino apresenta seu terceiro disco ao público dia 18 de...