The Town 2023: Festival realiza coletiva de imprensa com órgãos públicos

The Town 2023: Festival realiza coletiva de imprensa com órgãos públicos para apresentar melhorias e obras de infraestrutura do Autódromo de Interlagos

Com a presença do Prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes, e do Governador do Estado, Tarcísio de Freitas, Roberto Medina falou sobre o sonho de realizar o The Town, enquanto Roberta Medina trouxe novidades da montagem na Cidade da Música e apresentou o conceito gastronômico do Market Square que tem cardápio assinado pelo Chef Alex Atala

Esquema de transportes com metrô e trens da CPTM funcionando 24 horas nos cinco dias de festival também foi anunciado

São Paulo, 10 de agosto de 2023 – O sonho de abrir os portões da Cidade da Música em São Paulo está cada dia mais perto de se tornar realidade. Ocupando 360 mil m2 do Autódromo de Interlagos, o The Town vai reunir 500 mil fãs que viverão dias mágicos de muita música com conforto e qualidade. Para apresentar as obras de infraestrutura que garantem a realização do festival, aconteceu hoje – quinta-feira, dia 10 de agosto – uma coletiva de imprensa, na Cidade da Música, com a participação do presidente e criador do The Town e Rock in Rio, Roberto Medina, da vice-presidente de reputação de marca da Rock World, Roberta Medina, do Prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes, e do Governador do Estado, Tarcísio de Freitas. As obras, realizadas pela prefeitura, fazem parte de um projeto que começou a tomar forma há quase dois anos e contou com a expertise da equipe do The Town na orientação sobre as melhorias que poderiam ser realizadas, com objetivo de transformar o Autódromo de Interlagos em um local ainda mais bem preparado para receber, não só o novo festival, como outros grandes eventos que fazem parte do calendário da cidade.

Além das obras de infraestrutura, a coletiva também trouxe novidades sobre a gastronomia da Cidade da Música e anunciou o renomado Chef Alex Atala como o responsável pelo cardápio do Market Square, um espaço climatizado e dedicado à gastronomia de excelência. Os oito restaurantes do local convidam o público para um passeio por bairros da capital por meio da comida e quem participou do evento desta quinta-feira teve a oportunidade de experimentar o menu em primeira mão. Outra novidade contada em primeira mão sobre o esquema de transportes para o festival, confirmado pelo Governador de São Paulo, é o funcionamento 24 horas de toda a rede de metrô e trens da CPTM. A partir da 00h00, durante os cinco dias de evento, apenas a Estação Autódromo permanece aberta para embarque do público – sendo assim, todas as restantes funcionarão apenas para desembarque. Desta forma, o público não precisa se preocupar com a volta para casa, podendo aproveitar o festival até ao fim e saindo com segurança da Cidade da Música.

A 23 dias do The Town, Roberto Medina lembrou que o projeto começou com um sonho de levar para São Paulo um grandioso festival, com a dimensão que a cidade merece. “Comecei a desenhar o The Town há alguns anos e, hoje, perto de sua primeira edição, ele já é considerado o maior festival de São Paulo, com 500 mil pessoas passando pela Cidade da Música durante os cinco dias de festa. Estamos na reta final da montagem, a poucos dias de entrarmos para a história, e é emocionante ver o sonho cada vez mais próximo de se tornar realidade, no dia 2 de setembro. Vamos viver dias mágicos, que ficarão marcados para sempre na memória das pessoas”, destacou Roberto.

O The Town estreia na grande metrópole no dia 2 de setembro de 2023, e segue durante os dias 3, 7, 9 e 10, no Autódromo de Interlagos. O novo festival já se posiciona como um evento de grande relevância, não apenas para a capital paulista, como também para todo o Brasil. Com mais de 235 horas de música, o The Town tem em seu line-up grandes nomes da música mundial como Post Malone, Bruno Mars, Maroon 5 e Foo Fighters.

Roberta Medina pontuou o longo caminho percorrido, com um trabalho de excelência de toda a equipe do festival, com parceiros de peso, para entregar uma Cidade da Música esplêndida e que vai emocionar todas as pessoas. “Cada espaço foi desenhado e projetado com muito cuidado, sempre pensando na excelência e na experiência do nosso fã. A Cidade da Música proporcionará momentos únicos para o público com os tão aguardados shows, brinquedos, stands de marcas e ativações. Todos poderão aproveitar cada segundo deste lugar mágico com muito conforto e segurança”, comentou Roberta.

O que mudou no Autódromo de Interlagos

As obras de infraestrutura e melhorias aconteceram tanto dentro, quanto no entorno do Autódromo de Interlagos, visando melhorar a acessibilidade e o conforto do público. Na parte interna, uma novidade importante é o nivelamento do terreno – preservando as características topográficas – para oferecer mais acessibilidade no deslocamento do público. Na área que ficam os palcos Skyline e The One, a organização aumentou a área em mais de 30.000 m2. Ainda no solo, 24 mil m2 de grama sintética estão sendo colocados, amenizando o calor e tornando o espaço mais bonito e confortável. Outra grande mudança é no saneamento básico do Autódromo de Interlagos. Com a instalação de 50 km de tubulações para ligações de água e esgoto, será possível deixar o uso de sanitários químicos para trás. A Cidade da Música contará com oito polos de banheiros, com 680 cabines, espalhados por todo o terreno e conectados à rede pública de tratamento de esgoto.

Além do conforto, o público já habituado a frequentar eventos no Autódromo poderá encontrar também novas torres de delay. Elas garantem que os shows sejam ouvidos a grandes distâncias dos palcos e foram cuidadosamente escolhidas em termos de design para garantir a harmonia estética. Nas obras de infraestrutura foram usados 100 km de cabos elétricos, disponibilizando uma potência de 30 mil KVA e 3,2 mil pontos de energia. Já na parte externa, a prefeitura realizou a manutenção das áreas próximas, melhorias na iluminação e em equipamentos públicos, bem como a poda de arvores.

O Prefeito da Cidade, Ricardo Nunes, ressaltou a importância das obras não apenas para a cidade, mas como para a experiência do público nos demais eventos do calendário da cidade. “Muita gente trabalhou para chegar a esse ponto, para transformar o autódromo na Cidade da Música”, começou o Prefeito. “Será um espaço muito bem elaborado para as pessoas se divertirem, com toda essa cenografia e tudo isso que foi feito aqui. Com a divulgação do festival e dos shows acontecendo para vários países do mundo, é também uma divulgação da cidade de São Paulo como sendo a cidade da música, do rock e do entretenimento. Fizemos agora um investimento de R$ 190 milhões, que vai servir para a realização de tantos outros eventos aqui no Autódromo. Não tenho dúvida nenhuma de que toda essa movimentação de dinheiro, toda essa geração de emprego, seja de fundamental importância, além de poder ofertas às pessoas os melhores shows do mundo”, acredita.

Já o Governador do Estado, Tarcísio de Freitas, anunciou o esquema especial de transporte para os dias de The Town. “Todas as linhas de metrô e da CPTM vão funcionar 24 horas nos dias de evento. Teremos saídas a cada 3 minutos e, obviamente essas pessoas precisam ser baldeadas para as outras linhas para chegar em cada ponto da nossa cidade. Então, nós teremos toda a linha funcionando 24 horas, com três serviços diferentes: teremos o serviço normal, que todo mundo está acostumado, o expresso, o semi-expresso”, contou o governador para incentivar o uso do transporte público durante o festival. “Esses bilhetes podem ser adquiridos já, pelo site da ViaMobilidade”, finalizou.

O The Town tem o respaldo dos 38 anos de experiência de seus realizadores na montagem de festivais, no Brasil e no exterior, para idealizar uma Cidade da Música com a melhor utilização do espaço. Um exemplo é a mudança de posição das catracas de acesso ao festival, que estão mais perto da entrada do Autódromo. Com isso, o público precisará caminhar menos para entrar na Cidade da Música e ser contagiado com a magia do festival. A disposição dos palcos e das atrações também é pensada para que o público tenha a melhor circulação pelo espaço e com as melhores condições de acessibilidade. Outro ponto que chamou atenção durante a coletiva foi a magnitude cenografia, que já vai dando os contornos do que os fãs podem esperar do The Town.

Com cardápio assinado por Alex Atala, Market Square terá experiência gastronômica inédita ao representar bairros da cidade de São Paulo

Dentre todo cuidado e sofisticação, desde o line-up até a cenografia que compõe a Cidade da Música, também se destaca a gastronomia do The Town. Durante os cinco dias de festival, as marcas presentes atenderão os mais diferentes paladares, desde os que apreciam uma gastronomia mais elaborada, até os fãs de fast food, os veganos e vegetarianos, entre outros. Neste tema, uma das estrelas é o Market Square, dedicado ao público que não abre mão da gastronomia aliada à experiência, um espaço totalmente coberto e climatizado, com diversas mesas e cadeiras para se sentar, esticar as pernas e relaxar entre um show e outro. O cardápio será assinado pela 7 Gastronomia, em parceria com Alex Atala e Sapore. O veterano chef de cozinha e dono do D.O.M – que faz parte do seleto grupo de restaurantes brasileiros com duas estrelas no Guia Michelin – está à frente das criações.

“São Paulo por si só já é um verdadeiro festival de sabores. E assinar um menu inspirado na capital paulista, é uma maneira de levar o público do The Town a viajar através de uma das coisas que a cidade tem de melhor: a gastronomia”, pontua Alex Atala.

O Market Square contará com oito restaurantes que convidam o público para um passeio gastronômico pelos bairros da capital: desde as tradicionais pizzas da Mooca até os restaurantes orientais da Liberdade, passando pela culinária com uma pegada mais saudável de Pinheiros, os deliciosos lanches do Centro e os petiscos de bares da Vila Madalena. A sofisticação dos Jardins e os famosos pasteis da Lapa, claro, não poderiam ficar de fora. Para tornar a experiência ainda mais marcante, os pratos serão harmonizados com as cervejas Lagunitas, Blue Moon, Baden Baden e Eisenbahn.

Com expertise de grandes eventos, a Sapore, por meio da 7 Gastronomia, traz ao festival uma grande operação que começa a funcionar muito antes das estrelas subirem ao palco. Agora, presente também no Market Square, a expectativa é levar o público a uma verdadeira experiencia gastronômica. “Após marcar presença em grandes eventos, como Olimpíadas, estamos felizes de participar deste festival importante que chega a São Paulo para fazer história”, destaca Daniel Mendez, fundador da Sapore.

Na Área Vip, o público encontrará uma gastronomia única e all inclusive apresentada pelo chef João Magalhães, da GSH, e pelo chef de Pâtisserie Lucas Corazza. A variedade do cardápio trará o design próprio da GSH, dona dos restaurantes Nagairô, Braza Gastronomia e La Coppa, com um conceito urbano, ligado às raízes e natureza da cidade de São Paulo – proporcionando um verdadeiro passeio pelas ruas da capital em cada uma das estações de alimentação, que vão explorar a sustentabilidade, incluindo as embalagens biodegradáveis para diminuir a produção de rejeitos.

Para a pâtisserie da VIP, o chef e confeiteiro Lucas Corazza, vai comandar o menu dos doces e sobremesas, trazendo toda a sua experiência mundial para o The Town. Corazza é considerado um dos mais renomados chefs pâtisserie do Brasil. Não à toa, tornou-se um dos jurados mais queridos da televisão por toda sua autenticidade no programa Que Seja Doce, do canal GNT, que segue para a sétima temporada.

“A primeira edição do The Town vai proporcionar experiências únicas que vão além da música. São Paulo é uma cidade referência na gastronomia e o The Town não poderia deixar de trazer este legado para dentro do festival. Na Cidade da Música, o público vai encontrar uma experiência sofisticada no Market Square e na Área VIP. Estamos muito felizes de ter conosco grandes chefs da culinária, que vão consolidar esta nova forma de servir ao público dentro de um festival de música, como fazemos no Rock in Rio”, reforça Roberta Medina. Ela lembra ainda que: “temos também uma preocupação em oferecer um cardápio variado para os nossos fãs. Por isso, além dos pratos elaborados no Market Square e na VIP, teremos espalhados por todo o gramado opções de petiscos, salgados, fast food, doces e sobremesas, além de bebidas variadas. São alternativas que cabem em todos os bolsos e atendem todos os paladares, incluindo vegetarianos e veganos”, completa.

Ingressos para a primeira edição do The Town já estão disponíveis para ativação no aplicativo Quentro

As pessoas deverão baixar seu(s) ingresso(s) diretamente no seu smartphone utilizando o aplicativo Quentro, onde os ingressos ficarão salvos e poderão ser transferidos, se for o caso.

O Quentro, único app de ingressos aceito no acesso ao festival, é compatível com os aparelhos Android e iOS. Além disso, o app conta com um alto nível de segurança, sendo anticópia, rastreável e muito fácil de utilizar. O QR Code é constantemente e automaticamente atualizado e não serão reconhecidos no acesso prints de tela e impressões. O app funciona de forma offline e não é necessário ter internet no telefone para acesso ao festival.

O ingresso no Quentro já vem salvo com o nome de quem vai acessar o festival. Se a compra foi feita com intuito de presentear outra pessoa, ele é transferível através do próprio aplicativo informando o e-mail do recebedor. Após a transferência e aceite, o titular da compra não terá mais acesso ao ingresso transferido. Importante lembrar que a transferência só poderá ser realizada até às 23h do dia anterior do dia do show.

Na entrada do festival, basta abrir o aplicativo Quentro e selecionar o ingresso referente à data em questão. Em seguida deverá posicionar a tela do seu celular com a parte do QR code de frente para o leitor da catraca. Após estes passos, o fã estará apto a entrar na Cidade da Música e aproveitar todas as experiências que o evento oferece.

Cada ingresso digital só permitirá um único acesso às dependências do evento. Após o primeiro acesso, novas tentativas com o mesmo ingresso digital não serão autorizadas.

Saiba mais sobre o ingresso digital, aqui.

Com três dos cinco dias de festival já esgotados, público geral ainda pode adquirir ingressos para datas em que Post Malone e Maroon 5 são headliners do Skyline  

Os fãs do The Town ainda podem garantir seu lugar e entrar para a história do festival. Os dias em que Post Malone e Maroon 5 se apresentam seguem disponíveis para venda e o público pode adquirir ingressos por R$ 815 a inteira e R$ 407,50 a meia-entrada, sem a cobrança de taxas adicionais. Pode ser efetuada a compra de até 04 (quatro) ingressos por dia de festival por CPF, sendo no máximo 01 meia-entrada por dia, por CPF. Os clientes que adquirirem meia-entrada terão que inserir no próprio site todas as informações referentes ao documento que comprove tal condição, para posterior validação, assim como será necessário apresentá-lo no acesso à Cidade da Música, no dia do evento. O pagamento pode ser feito apenas por cartão de crédito. O valor pode ser parcelado em até 6 (seis) vezes sem juros. Já os clientes que efetuarem o pagamento com cartões de crédito Itaú, Credicard ou Iti podem parcelar a compra em até 8 (oito) vezes sem juros. 

2 de setembro: Post Malone, Demi Lovato, Iggy Azalea, MC Cabelinho, MC Hariel, MC Ryan SP, Racionais MCs & Orquestra Sinfônica de Heliópolis, Criolo & Planet Hemp, Orochi & Azzy, Tasha e Tracie & Karol Conka, Teto, Caio Luccas, Kayblack, Urias, Esperanza Spalding, Hermeto Pascoal, São Paulo Big Band, Alma Thomas, Batekoo Aka Freshprincedabahia X Jujuzl X Kiara X Mirands, Tropkillaz “10 Anos”, Osgemeos, “Uma Experiência”, Deekapz X Vhoor Klean Vs Klap, Forro Red Light e o Baile Encanado (Com Mestre Nico, Ella Voa E Furmiga Dub).

 

3 de setembro: ESGOTADO  

7 de setembro: Maroon 5, The Chainsmokers, Liam Payne, Ludmilla, Ne-Yo, Masego, Angelique Kidjo, Maria Rita, Marvvilla, Afrocidade, Larissa Luz, Hodari, Stanley Jordan, Ivan Lins, São Paulo Big Band, Paula Lima, Gop Tun vs 28room vs Diogo Strausz Live feat Julia Mestre, Shermanology, Kerri Chandler Live, Natasha Diggs Live Horn, L_cio Plants Live, Afterclapp x Shigara x Xaxim.

9 de setembro: ESGOTADO 

10 de setembro: ESGOTADO
 

The Town já nasce gigante 

Dos mesmos criadores do Rock in Rio, The Town estreia na grande metrópole no dia 2 de setembro de 2023, e segue durante os dias 3, 7, 9 e 10, no Autódromo de Interlagos, em uma área de 360 mil m2, que será totalmente renovada. O novo festival já se posiciona como um evento de grande relevância, não apenas para a capital paulista, como também para todo o Brasil.

Com previsão para receber cerca de 500 mil pessoas em mais de 235 horas de música, a Cidade da Música contará com seis palcos, onde o público poderá imergir em novas e inesquecíveis experiências. Com cenografia inspirada em ícones da arquitetura paulistana e apresentando uma diversidade única de ritmo e união de tribos, The Town chega a São Paulo com apoio, força e empoderamento de gente grande. De acordo com uma pesquisa realizada pela Fundação Getúlio Vargas, está previsto um impacto econômico de R$1.7 bilhão, o maior já visto na capital, além de gerar mais de 19 mil empregos diretos.

Uma Cidade que não dorme: The Town oferece entretenimento para todos    

Com Post Malone, Maroon 5, Foo Fighters, Bruno Mars, Demi Lovato, Iggy Azalea, MC Cabelinho, MC Hariel, MC Ryan SP, Bebe Rexha, Alok, Luísa Sonza, The Chainsmokers, Liam Payne, Ludmilla, Queens Of The Stone Age, Garbage, Pitty, H.E.R., Kim Petras, Iza, Racionais & Orquestra Sinfônica Heliópolis, Criolo & Planet Hemp, Orochi & Azzy, Tasha e Tracie & Karol Conka, Seu Jorge, Leon Bridges, Ney Matogrosso, Matuê, NE-YO, Masego, Angélique Kidjo, Maria Rita, Wet Leg, Barão Vermelho convida Samuel Rosa, Detonautas, Terno Rei convida Fernanda Takai e Mahmundi, Jão, Gloria Groove, Pabllo Vittar convida Liniker e Jup do Bairro, Marina Sena canta Gal Costa, entre outros já confirmados no line-up, a nova Cidade da Música contará com espaços onde o público poderá usufruir da representação de elementos e locais emblemáticos da cidade.

O palco Skyline é inspirado nos grandes prédios da cidade paulista e é nele que artistas do mundo inteiro irão compor as quatro atrações do dia. O palco The One, será onde a música vai além da música. Com grandes artistas e uma cenografia de tirar o fôlego, inspirada nos museus de arte de São Paulo, os mais de 30 telões de LED que compõe o palco se transformarão em uma verdadeira experiência imersiva, prometendo um show à parte e entregando uma incrível experiência para o público. O palco também vai promover grandes encontros, dar luz a artistas de renome e provocar debates e reflexões.

Do Rio para São Paulo, o New Dance Order estará dedicado à música de pista, passando pelos gêneros house, techno, trance, bass e trap. Tão especial quanto os outros palcos, The Town também conta com a São Paulo Square, espaço inspirado na região em que a cidade foi fundada. Ali se reunirão alguns dos seus principais ícones históricos da arquitetura da cidade.

O festival também traz também os antigos galpões das fábricas para o palco Factory. O espaço terá o mood da cultura urbana com performances de street dance e shows de trap, hip hop e rap. Também não poderia faltar um espaço gastronômico que traz toda a diversidade da culinária paulista — o Market Square e, para completar a experiência, o festival abrigará também a Área VIP, espaço climatizado com buffet assinado por renomado chef e bar exclusivo.

Como num túnel do tempo, um dos locais mais encantadores e concorridos para cliques, selfies e totalmente “instagramável” do irmão carioca do The Town, o Rock in Rio, desembarca diretamente na Cidade da Música – a Rota 85. O espaço é dedicado ao ano que o Rock in Rio ganhou vida, 1985, e colocou o Brasil na rota dos shows internacionais, e estará em total sinergia com o The Town, que realiza sua primeira edição este ano.

O novo e maior festival de São Paulo também terá o “The Town – O Musical”. A produção inédita e concebida exclusivamente pelo time criativo de The Town — um “Originals” — tomará conta de um enorme Domo de 50 metros de diâmetro na Cidade da Música. Com criação de Roberto Medina, direção musical de Zé Ricardo, o festival dá vida a um novo espetáculo, que tem roteiro e direção artística de Charles Möeller. No espetáculo, o público vai ver de perto a história de um músico do interior de São Paulo que, ao ver na TV o anúncio de um novo festival, decide fazer as malas e embarcar em uma jornada pessoal, cultural e artística que o leva pelos diferentes bairros, ruas e cenários da capital, explorando cada recanto e cada ritmo que compõem a diversidade cultural paulistana.

Brinquedos gigantes e radicais estarão presentes na Cidade da Música, trazendo toda uma atmosfera mágica de parque de diversões para o local. Durante todos os dias do The Town, os fãs vão se divertir com a Roda Gigante, aproveitando a vista panorâmica da Cidade da Música; com o Megadrop e a Montanha Russa, as atrações mais emocionantes e divertidas do espaço; e com a Tirolesa, que vai passar na frente do Skyline, proporcionando uma visão privilegiada do palco.

 

Sobre a Rock World  

A Rock World é a empresa criadora de experiências que nasceu do maior festival de música e entretenimento do mundo, o Rock in Rio. Com a missão de proporcionar experiências inesquecíveis através da música e do entretenimento, a marca tem como base de sua cultura corporativa a arte de sonhar, de fazer acontecer e inspirar as pessoas através da filosofia de construir um mundo melhor.

Hoje, além do Rock in Rio, a Rock World expandiu sua área de atuação para outros projetos de produção de experiências que abrangem diferentes áreas. No Live Entertaiment, a marca possui o The Town, o novo e maior festival de música, cultura e arte de São Paulo, que acontecerá no Autódromo de Interlagos, em setembro de 2023. A partir de 2024 a Rock World assume, em parceria com a C3, a produção e operação do Lollapalooza no Brasil.

Na área de Conteúdo, o Rock in Rio Studios é o produto que reforça o DNA da companhia para a criação de conteúdos audiovisuais originais e o posicionamento no mercado como uma marca ainda mais poderosa e potente de comunicação. A Rock World também atua na produção de espetáculos originais, os Originals. O primeiro deles foi desenvolvido em 2022 para o Rock in Rio, o Uirapuru, e para 2023 lança o The Town O Musical.

E para a área de Educação, o Humanorama, o Rock in Rio Academy e o The Town Learning Journey buscam ativar a potência das pessoas para contribuir na construção de um mundo melhor. Ao ampliar sua atuação para tantos campos e diferentes negócios, a Rock World é hoje uma das maiores empresas de criação e produção de conteúdo proprietário de Live Experience no mundo.

Assessoria de imprensa

PR The Town

Approach Comunicação

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Instagram

Publicidade

  • Paixão Câmeras

Últimas

Numanice #3, da Ludmilla, estreia com sucesso na Deezer

Numanice #3, da Ludmilla, estreia com sucesso na Deezer Após o lançamento, o novo álbum ficou em primeiro lugar no streaming de música e a cantora...

Alok integra playlist de Mick Jagger, vocalista da The Rolling Stones

Alok integra playlist de Mick Jagger, vocalista da The Rolling StonesBritânico revelou que escuta remix Living In A Ghost Town para malharCréditos: Alisson Demetrio  Um...

Falta um mês para o Lollapalooza Brasil

Falta um mês para o Lollapalooza Brasil: festival divulga mapa do evento e informações sobre a entrega de pulseiras  Marcado para os dias 22, 23...

Roberto Menescal faz show na Cidade das Artes

Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro e Secretaria Municipal de Cultura apresentam  ISTO É BOSSA NOVA! Roberto Menescal recebe convidadas em show que celebra a Bossa...

Gusttavo Lima lança música com Bruno & Marrone

Gusttavo Lima lança música com Bruno & Marrone- “Relação Errada” é a novidade do Embaixador nas rádios e plataformas digitais -Crédito: Augusto Albuquerque“Mesmo com...